Author: Louella Turner

Conheça as Melhores Sete Motos Lançadas pela Yamaha

Todos os anos a indústria automotiva vem se atualizando. É que além do grau de exigência dos consumidores, o nível de concorrência também está cada vez maior. A Yamaha, por exemplo, não quer subir no ranking de fabricante menos consumida. Por isso, busca lançamentos de modelos e aprimoramento em linhas que já fazem sucesso.

Sobre a Yamaha

A Yamaha é uma empresa japonesa, produtora principalmente de motocicletas, mas fabrica também quadriciclos, motores e peças. Criada em 1955 por Torakusu Yamaha.

Hoje, atua no Brasil  com a venda de milhares de exemplares de seus produtos. Fidelizou os seus clientes brasileiros, sendo considerada uma das melhores montadoras e ocupando boas posições no ranking de vendas.

Anualmente as linhas são atualizadas, algumas com ajustes mais expressivos e outras com modernizações pequenas. Além de possuir um catálogo de motocicletas famosas pela ostentação que simbolizam, como a Yamaha R3.

Mas a empresa se prepara para atender todo o tipo de público, e por isso possui uma linhagem de motos menos agressivas e ousadas, e consequentemente com menor valor. Por exemplo a Yamaha Factor 150.

Lançamentos Yamaha

Para aumentar o número de fiéis consumidores, os quais a empresa faz questão de manter. Os lançamentos de novos modelos da Yamaha duram em torno de 1 a 2 anos de diferença. Embora anualmente as máquinas sejam atualizadas, lançamentos em grande proporção não são feitos com tanta frequência.

Os lançamentos são normalmente no Salão Duas Rodas, e outros eventos que reúnem o principal público da marca.

A lista de novidades deve girar em:

  • Ténéré 700;
  • Fazer 150;
  • R3;
  • MT-07;
  • Factor 150;
  • MT-15;
  • Lander 250.

Vantagens de ter uma moto Yamaha

A compra de uma moto já é vantajosa devido a três fatores principais: consumo de combustível, valor do produto e preço de revenda.

Depois é preciso avaliar a montadora escolhida, e a Yamaha costuma agradar a maioria de seus clientes. Principalmente quando se trata do setor financeiro. Já que a montadora possibilita o pagamento à vista e à prazo, diretamente com uma concessionária autorizada e com juros bem baixos.

Sem contar no consórcio Yamaha que ajuda vários motociclistas a finalmente comprar a sua moto dos sonhos, ou fazer do veículo um instrumento de trabalho. Com preço baixo e consumo de combustível menor que um carro, a compra por uma moto compensa.

Saiba Como Conferir o Resultado do ENEM!

O Exame Nacional do Ensino Médio é uma avaliação que padronizou o ingresso do nível superior para os estudantes brasileiros. A pontuação alcançada pode realizar o sonho de conquistar um diploma de graduação. Por isso, é preciso que os participantes confiram todos os dados no sistema corretamente e consigam uma nota alta. Você sabe como conferir o resultado do ENEM? Saiba como a seguir.

O que é o ENEM?

O ENEM é um exame que avalia o aprendizado dos conteúdos do ensino médio e utiliza a pontuação alcançada para distribuir as vagas no ensino superior para rede pública e privada.

A maioria das instituições utiliza o sistema do Enem para preencher as suas vagas. Existem muitas possibilidades para usar a sua pontuação do exame e você precisa saber como!

Para participar da prova, é necessário se inscrever no ENEM durante o período indicada. No site oficial, você verá informações como local de prova, data e hora.

É através do mesmo sistema digital que você verá o resultado do Enem, mas para saber do resultado das vagas de graduação, são utilizados outro sistema.

Como utilizar a nota do ENEM?

O resultado do ENEM pode ser utilizado de diversas formas, entretanto, as mais populares são as plataformas do SISU e do PROUNI. O Sistema de Seleção Unificada é dirigido ao ingresso no ensino público, e o Programa Universidade Para Todos é voltado para o ensino na rede privada.

Cada sistema irá dispor de uma plataforma diferente e de datas de funcionamento diferente, por isso, é preciso ficar atento no tempo de inscrição de cada programa.

Você irá utilizar a sua nota do exame para concorrer nos sistemas de distribuição de bolsas. Em ambas as situações é possível escolher duas opções de curso, mas é importante lembrar que o sistema dará prioridade a primeira delas.

Como ver o resultado?

Se a sua pontuação for superior a nota de corte do seu curso selecionado, você poderá garantir a sua graduação. Para conferir o resultado SISU, você deverá acessar o site do sistema durante o período de divulgação.

O mesmo ocorre para a distribuição de bolsas pelo PROUNI. É necessário acessar a plataforma digital no período de divulgação anunciada, que não é o mesmo do Sistema de Seleção Unificada.

É importante ressaltar que você pode se inscrever com a mesma nota do Exame Nacional do Ensino Médio para se inscrever em amos os sistemas na entrada do meio do ano.

Como parcelar o pagamento do DPVAT?

O DPVAT é um dos valores mais importantes que os proprietários de veículos no Brasil tem precisam pagar. Este valor corresponde a garanti a do seguro para os motoristas e por isso, deve ser cumprido sem hesitação. Para quem já está planejando pagar o DPVAT, confira a seguir como parcelar o pagamento dele e fique por dentro de tudo.

O que é o DPVAT?

O DPVAT corresponde ao Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres e o pagamento dele garante que você possar ser ressarcido pelos danos causados em um acidente de trânsito. Por ser um seguro obrigatório, é necessário cumprir esta tarifa no prazo estabelecido pelo mesmo.

Muita gente não sabe, mas o seguro do DPVAT não busca um culpado pelo acidente de trânsito e pode favorecer qualquer pessoa envolvida em uma situação de perda, seja o proprietário, o outro motorista, os passageiros ou até mesmo, os pedestres.

Qual o valor do seguro?

O seguro do DPVAT se divide em algumas categorias de remuneração, como por exemplo, a de despesas médicas, invalidez temporária, invalidez permanente e morte.

Cada uma destas categorias irá dispor de um benefício diferente, então, para quem estava questionando quanto ao valor do seguro DPVAT, vale lembrar que irá depender da comprovação da circunstância em que você se encontra.

O valor pode ir até R$ 13,500, se forem comprovadas devidamente as perdas, despesas médicas e os danos em questão. Para que todos sejam beneficiados com a remuneração do seguro, é necessário que os proprietários do veículo estejam com o DPVAT em dias, por isso, é importante não deixar de cumprir com eles. Caso esteja em atraso, o pagamento só é liberado após a regularização da situação.

Como parcelar o pagamento do DPVAT?

O DPVAT é um seguro muito importante que vai cobrir não só você mas outras pessoas. Quem quer ficar em dias com o seguropode parcelar o pagamento do DPVAT através do site da Seguradora Líder, responsável pelo recurso no país.

É necessário acessar o site e fornecer informações tanto pessoais como as do carro para gerar a guia de pagamento do DPVAT. Você poderá escolher a opção de parcelamento no site, antes de gerar a guia.

Depois de escolher a forma de pagamento e as parcelas, é só cumprir com as tarifas e ficar regular com a obrigatoriedade. Lembre-se: não pagar o DPVAT pode gerar cobrança de multas e acréscimo de juros.

Principais Motivos que Podem Barrar o Licenciamento de Veículos

O licenciamento do veículo é um documento fundamental para qualquer proprietário de automóvel, pois funciona como uma identidade do mesmo.  Além disso, garante que o seu veículo pode circular nas ruas. Vale mencionar que quem não cumpre o licenciamento, está sujeito à algumas consequências.

Saiba a seguir dos principais motivos que podem barrar o licenciamento de veículos e entenda porquê você deve realizá-lo:

O que é o licenciamento do veículo?

Também conhecido como o CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo), o licenciamento deve ser realizado anualmente e é obrigatório. Além de ser necessário realizá-lo todo ano, o seu porte também é obrigatório enquanto estiver guiando um automóvel.

O licenciamento é o único documento que pode comprovar que o seu veículo está em condições regulares para circular, atendendo às normais de segurança. Geralmente, esta taxa gira em torno dos R$ 200, podendo ser diferente em alguns estados. Confira:

Não é sua região? Verifique as informações com o Detran do seu estado e saiba quanto às datas e valores!

Quais os motivos que podem barrar o licenciamento?

O licenciamento do veículo deve ser realizado anualmente, mas para isto, você deve saber que ele depende de outros documentos. Você sabe quais são? Veja abaixo o que pode barrar o licenciamento do seu veículo.

IPVA

O IPVA corresponde ao Imposto Sobre a Propriedade de Veículos e, assim como o licenciamento, deve ser cumprido anualmente pelos proprietários de veículos. Este imposto é obrigatório e não cumpri-lo, além de gerar multas, não permite que o motorista realize o licenciamento do seu veículo.

Além disso, circular com IPVA em atraso e sem a documentação atualizada, pode levar o seu veículo a ser apreendido. Os custos da apreensão são de responsabilidade do proprietário.

DPVAT

Outro valor obrigatório a ser cumprido pelo proprietário é o DPVAT. O Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres deve ser pago no começo do ano, junto ao IPVA.

Como é de quitação obrigatória, não cumprir o pagamento do DPVAT impede que você tire a CRLV do seu veículo e também pode gerar a cobrança de multas.

Multas

Estar com alguma pendência com o Detran também é um dos fatores que pode barrar o licenciamento do seu automóvel. Tanto às multas por não cumprimento dos impostos obrigatórios, como as multas de trânsito impedem a emissão do CRLV.

Vale mencionar que o atraso dos impostos gera porcentagem de juros em cima do valor base deles e a documentação vencida pode gerar cobrança de mais multas.

Como pagar as multas de trânsito?

Várias situações podem ocasionar em multas de trânsito: infrações leves, infrações graves, atraso de impostos obrigatórios. O motorista que não quer se envolver nestas situações deve estar atento às informações de cada aspecto para não perder nenhum prazo. Quer saber como pagar suas multas de trânsito? Confira o texto a seguir e saiba como:

O que pode gerar multas de trânsito?

Multas de trânsito são formas de punir o motorista que não cumpre as leis de trânsito e impostos obrigatórios. Quando autuado cometendo infrações, independe de seu teor, sendo leve ou grave, pode proporcionar pontos na carteira e multas!

Cada infração tem um valor particular, sendo maior para as infrações graves. Estacionar em local inadequado, exceder limite de velocidade e não estar com cinto de segurança no trânsito pode fazer com que o motorista seja notificado por multa.

Não cumprir ou atrasar impostos obrigatórios como o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e o Licenciamento gera cobrança de multas e acréscimo de juros ao valor requerido. Por isto é importante pagar o seu boleto IPVA 2019 dentro do prazo estabelecido, assim evitará grandes dores de cabela!

 Como pagar as multas de trânsito?

Quitar suas multas de trânsito é mais simples do que parece. Você sabia que pode acessar às suas pendências no DETRAN via internet? Você deve acessar o site do órgão responsável da sua região, como por exemplo, o DETRAN SP IPVA 2019, dependendo do tipo d serviço que você irá requirir.

Você pode visualizar suas multas e pendências no DETRAN apenas informando o número da placa do seu veículo. Depois de verificar suas dividas com o órgão, para quitá-las, é preciso gerar um novo boleto de pagamento. Isto porque, como foi mencionado, cada dia de atraso gera uma porcentagem de acréscimo de juros para o seu pagamento.

Busque pela opção de gerar o novo boleto e depois é só quitá-lo. Para economizar tempo, muitas pessoas têm preferido realizar os pagamentos através do app internet banking do seu banco. Também é possível pagas os boletos em um casa lotérica ou qualquer agência bancária de sua escola.

É possível parcelar as dívidas?

Para quem tem dúvidas quanto a forma de pagamento, vale lembrar que é possível parcelar o valor em até 3 vezes, dependendo de cada situação. Mas você deverá cumprir os prazos de quitação todo mês.

Quem quer selecionar esta forma de pagamento, deve saber que pode realizar no próprio site do DETRAN antes de gerar um novo boleto. Depois de selecionar a opção de como irá pagar é só efetuar o pagamento.

Quanto preciso tirar no Enem para passar em Medicina?

O Enem corresponde ao Exame Nacional do Ensino Médio. Através do sistema de avaliação, bolsas de estudo no ensino público e no ensino privado são distribuídas ara estudantes que desejam ingressa no nível superior. Quanto mais concorrido o curso, maior será a nota que você terá que tirar para garantir a sua vaga, como é o caso do curso de medicina. Está se perguntando quanto precisa tirar no Enem para passar em Medicina? Entenda mais sobre o assunto lendo o texto a seguir.

Ponto de Corte

Para entender a pontuação que você alcançar em cada curso, é importante compreender o sistema de avaliação. Para garantir o seu ingresso em uma universidade, a nota que você conseguir deve ser superior a nota de ponto de corte do curso.

Por exemplo, se a oferta é de 30 vagas e a menor nota a preenchê-las é 689.12, isto significa que para estar entre os aprovados, a sua nota tem que ser superior a última nota a entrar. O ponto de corte é atualizado todo dia durante o período de inscrição e o candidato deve conferi-la.

Prouni

O Prouni é o Programa Universidade Para Todos e é através deles que os alunos participantes do Enem podem concorrer a bolsas de estudo no ensino privado.  Para o estudante ingressar em um curso em 2020, por exemplo, será necessário superar nota de corte Prouni 2019.

Para calcular a nota de corte, você deve considerar a pontuação da própria universidade e as modalidades de cota e ampla concorrência.  Outra modalidade a considerar é a bolsa integral e a bolsa parcial. Então para cada uma destas situações, haverá um ponto de corte diferente.

Por exemplo, o curso de medicina em 2018 teve uma média de ponto de corte para ampla concorrência no Prouni foi de 636,90, enquanto na modalidade de cota foi de 709,56. Informe-se quanto a universidade de sua escolha e fique de olho no resultado Prouni!

Sisu

O Sisu é o Sistema de Seleção Unificada e facilita o acesso dos estudantes às bolsas no ensino público. Assim como no Prouni, para garantir o ingresso em uma universidade pública, o aluno deve atingir uma pontuação superior a nota de corte do Sisu.

Ao se inscrever no sistema, o aluno terá acesso diário as notas de corte que irão surgir de acordo com os alunos que se candidatem à vaga. Para quem quer calcular a pontuação passada, confira abaixo a menor nota necessária para algumas regiões:

  • Salvador – 672,05
  • Belo Horizonte – 681,94
  • João Pessoa – 671,36
  • Recife – 653,96
  • Rio de Janeiro – 703,86
  • Brasília – 694,15
  • São Paulo – 819,92

A corrida é um esporte amado por muitos, por isso nunca cansamos de divulgar a corrida Miranda!

Esse grande evento, foi criado para que a Miranda pudesse reuni os grandes clientes e parceiros num momento de distração e muita motivação para festejar a saúde e as conquistas que obtivemos durante todo um longo ano!

E para que possamos te manter atualizados sobre novos projetos da Miranda, como a nossa corrida, mas também outros eventos que envolvem cidadania e esportes, nós votaremos com a ativação desse humilde portal para que possamos te manter por dentro de tudo!